8/01/2020 4:55 pm

Aluno da rede estadual está entre os indicados para o Troféu Mirante Esporte

O estudante Luiz Augusto Costa Barbosa ao lado do bicampeão mundial Rafael Leitão

O estudante Luiz Augusto Costa Barbosa ao lado do bicampeão mundial Rafael Leitão

“Eu me apaixonei pelo xadrez pela complexidade do jogo. Por mais que se estude e se aprenda, sempre tem uma coisa nova para aprender”. As palavras são do jovem estudante Luiz Augusto Costa Barbosa, de 13 anos, que é um dos indicados ao Troféu Mirante Esporte, na categoria xadrez. Morador do bairro Pindoba, município de Paço do Lumiar, Luiz Augusto estuda no Centro de Ensino Mato Grosso e faz atividades no contraturno escolar no Núcleo de Atividades de Altas Habilidades/Superdotação (NAAHS) “Joãosinho Trinta”, ambas instituições ligadas à rede pública estadual do Maranhão.

Luiz conta que seu contato com o xadrez se deu quando ele ainda tinha três anos, contudo, o conhecimento era restrito à movimentação das peças. Como ele sempre foi muito bom em Matemática e disciplinas de cálculo, em junho de 2017 entrou para o NAAHS, para desenvolver suas habilidades na área do cálculo. E foi lá que ele retomou seu contato e interesse pelo xadrez.

“Sempre tive um desenvolvimento muito bom na área lógica e meu pai procurava um local para ampliar essa minha habilidade. Foi a partir daí que entrei para o NAAHS e voltei a ter contato com o jogo, por meio do Projeto Xadrez nas Escolas. Com as partidas com o mestre Nicolau Leitão, fui aprendendo mais coisas na área lógica e, hoje, me sinto muito feliz. Sinto essa indicação ao troféu como um reconhecimento ao trabalho do meu pai, que sempre procurou me oferecer as melhores oportunidades e, também, ao projeto xadrez nas escolas, que me possibilitou ter o contato e aprender de fato o jogo”, declarou o estudante.

Luiz Carlos, pai do estudante, fala de sua admiração e do orgulho que sente, em ver o filho se destacando. “Orgulho é pouco, perto da alegria de viver o que este ser humano me propõe. Sou o maior admirador do Luiz. É uma pessoa que nasceu com habilidades que poucas pessoas têm e sempre o aconselho para dar valor a isso”, revelou.

Projeto Xadrez nas Escolas

Luiz Augusto ao lado do secretário Felipe Camarão e da secretária Adjunta Nadya Dutra durante a final do festival de Xadrez nas escolas

Luiz Augusto ao lado do secretário Felipe Camarão e da secretária Adjunta Nadya Dutra durante a final do festival de Xadrez nas escolas

Lançado em 2017 pelo Governo do Maranhão, o projeto é desenvolvido por meio de parceria entre a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e o Grande Mestre Internacional Rafael Leitão. O objetivo é estimular o desenvolvimento da atenção e concentração, autocontrole, lógica e raciocínio analítico/sintético dos estudantes.

Desde sua implantação, cerca de 10 mil estudantes já foram apresentados ao xadrez por meio do projeto, em mais de 100 escolas da rede estadual espalhadas em todo Maranhão. Ao todo, 150 professores de diversos componentes curriculares atuam no projeto em suas escolas.

“Com a vinda do Projeto Xadrez nas Escolas, o Luiz foi crescendo e se aperfeiçoando. Após as leituras dos livros de xadrez, de autoria de Rafael Leitão, ele despontou cada vez mais, participando de competições e sendo finalista”, destacou o professor de Matemática Cleverson Ferreira Castro, que acompanha o estudante Luiz dentro do NAAHS.

Para o bicampeão mundial e mestre enxadrista, Rafael Leitão, o estudante está com um excelente nível no jogo, fato que ele pôde comprovar em 2019, quando o estudante foi o finalista do 2º festival Xadrez nas Escolas e ‘deu trabalho’ para o bicampeão.

“Estou muito feliz com a indicação do jovem Luiz para o Troféu Mirante. Tive a oportunidade de enfrentá-lo em um evento e percebi que ele já está com um excelente nível de jogo. Essa é a prova de que o projeto de xadrez nas escolas é um sucesso, pois em pouco tempo ele já contribuiu com o desenvolvimento de um talentoso enxadrista. Mas claro que o mérito é todo do Luiz Augusto, um apaixonado pelo jogo de xadrez e que teve sua dedicação premiada”, reforçou o Leitão, que coordena o projeto Xadrez nas escolas.

“Eu como supervisor do projeto, fico especialmente feliz com a indicação do Luiz, pois é fruto do trabalho de educadores empenhados que estão com ele no CE Mato Grosso e no NAAHS. Acompanho de perto o Luiz e sei o quanto ele se apaixonou pelo xadrez e quanto se dedicou. É uma satisfação muito grande ver o projeto dando resultados, até mesmo antes do esperado”, enfatizou o supervisor do Projeto Xadrez nas escolas, Nicolau Leitão.

O secretário de Estado de Educação, Felipe Camarão, reforça que o que começou como um projeto piloto, atendendo 10 escolas, foi expandido para diversas escolas públicas e tem revelado talentos. “Sempre acreditamos no potencial do xadrez em desenvolver habilidades nos nossos jovens, e o Luiz é um exemplo fiel disso. Desenvolver esse projeto na rede e obter frutos como esse, de ver um estudante da zona rural indicado para possivelmente receber uma das maiores premiações do esporte maranhense, só nos enche de orgulho, alegria e esperança de estar fazendo o que podemos para contribuir com o desenvolvimento de potencialidades dos nossos jovens”, afirmou o secretário.

Mais fotos:

Fonte: Seduc
Texto: Luana Müriella
Fotos: Lauro Vasconcelos
08/01/2020

Contatos

contatos

Fones:

(98) 3227-7677
(98) 3235-4674

E-mail:

gabinete@educacao.ma.gov.br
ascom@educacao.ma.gov.br

Ouvidoria
(98) 3218-2357/3212-1636
ouvidoria@educacao.ma.gov.br

Localização

localização

Click to open larger map

Rua dos Pinheiros n°15, Qda n° 16, Renascença. CEP 65075-250. São Luís, Maranhão