12/06/2018 5:09 pm

Centros Educa Mais realizam semana de atividades para incentivo ao protagonismo juvenil

10966_10966_foto_4_protagonistas_foto_antonio_martins_6172638570323168191_55268344901791877

Estudantes do CEIN Mônica Vale em conversa com Jovem Protagonista sobre os Clubes de Protagonismo

Fortalecer na escola o princípio educativo do protagonismo juvenil, através das práticas e vivências. Este é um dos principais objetivos da Semana do Protagonismo que acontece, até quinta-feira (21), nos 35 Centros Educa Mais, na capital e em cidades do interior do estado.

A ação visa envolver os estudantes na formação de Clubes do Protagonismo, espaços onde os jovens poderão desenvolver competências e habilidades, como: a capacidade de liderança, trabalhar em grupo, tomar decisões, auto-organização, compartilhar conhecimento e ideias, dentre outras.

“A força dos Clubes de Protagonismo reside exatamente no fato de que os interlocutores deles são os próprios estudantes. Então, esses clubes são constituídos pelos próprios estudantes e a partir dos interesses deles próprios. E mostram de uma forma objetiva e concreta, no âmbito escolar, como os estudantes podem caminhar em direção ao processo de construção da sua autonomia. Uma vez que é o espaço em que eles podem se mostrar sujeitos ativos, partícipes das ações e das decisões que acontecem no âmbito escolar”, destacou Fernanda Passos, gestora da Educação Integral.

A semana mobiliza mais de 8 mil estudantes dos 35 Centros de Educação Integral, os chamados Centro Educa Mais, na capital e em cidades do interior. A ação é acompanhada por jovens protagonistas de Pernambuco, estado pioneiro na implantação da educação integral no país. O Centro de Educação Integral Mônica Vale, no Vinhais, recebeu a Jovem Protagonista Mayara Oliveira, da Escola da Escolha de Pernambuco, que é um exemplo concreto de como o protagonismo pode ser transformador.

Estudantes do CEIN Mônica Vale em conversa com Jovem Protagonista sobre os Clubes de Protagonismo

“O protagonismo foi um divisor de águas em minha vida. Eu nunca imaginei que eu poderia ter vez, ter voz, que as pessoas pudessem me ouvir. O protagonismo traz para a gente o senso de responsabilidade, de maturidade, a consciência de que se você demonstra que merece respeito e confiança, as pessoas vão lhe respeitar vão lhe ouvir. O protagonismo me ajudou a desenvolver tudo o que eu sou hoje: Uma pessoa que sabe o que quer da vida, que tem foco e uma ferramenta para me auxiliar em meu projeto de vida”, disse Mayara.

No primeiro momento, a semana está voltada para um diálogo com os estudantes para amadurecer o entendimento de questões, como: o que é o protagonismo, como ser um Jovem Protagonista, como desenvolver as características de ser autônomo, solidário, competente, responsável e a capacidade de estabelecer limites. No segundo momento, os estudantes apresentam sugestões de criação dos Clubes de Protagonismo. Os temas podem ser os mais variados, desde a área de Química e Física à cultura e o esporte.

No ano passado, os estudantes do CEIN Mônica Vale, assim como as demais escolas de tempo integral, criaram vários clubes que estão ajudando a comunidade escolar a caminhar de forma mais harmônica e produtiva.

A estudante Lanna Carla Dantas Campelo, do 1º ano, sabe muito bem os benefícios do protagonismo juvenil. Lanna participa do Clube de Música, que faz o maior sucesso na escola, pois incentiva e integra a comunidade escolar.

“O Clube de Música trouxe para mim uma interação maior com as pessoas, não só da minha sala, mas, de toda a escola. Ensina a gente a perceber que todo mundo pode fazer algo. Que saiba ou não, basta ter um pouco de habilidade e de interesse. E a gente vai descobrindo na prática o que é ser Jovem Protagonista, a seguir com os nossos objetivos, ser o ator principal da nossa história. E a ‘Semana do Protagonismo’ é um estímulo importante para descobrirmos potencialidades”, revelou.

Já o estudante Eduardo Reis escolheu o Clube de Lutas. Virou atleta do Jiu Jitsu e já tem boas histórias para contar como Jovem Protagonista. “O primeiro ano no Clube de Lutas trouxe muita coisa positiva para mim e para os outros estudantes. Mudou a minha forma de pensar, por exemplo. Hoje eu penso em passar para os outros colegas aquilo que eu sei. E a gente vai aprendendo que, tudo o que se faz na escola tem um porquê, não é só fazer por fazer”, ressaltou Eduardo.

“Com os clubes, nós percebemos que o estudante passou a se valorizar mais, perceber a importância dele dentro da escola e na vida. O estudante que está no clube passa a entender que ele pode contribuir com a gestão escolar, porque esse é um trabalho de parceria. E ele passa a se reconhecer como importante no processo, nas suas escolhas e na construção do seu projeto de vida”, destacou Simone Silva Santos, gestora pedagógica do CEIN Mônica Vale.

Fonte: Seduc
Foto: Antônio Martins
12/06/2018

Contatos

contatos

Fones:

(98) 3221-8537
(98) 3221-8536

E-mail:

gabinete@educacao.ma.gov.br
ascom@educacao.ma.gov.br

Ouvidoria
0800 280 43 43

Localização

localização

Click to open larger map

Rua dos Pinheiros n°15, Qda n° 16, Renascença. CEP 65075-250. São Luís, Maranhão