12/11/2017 8:57 am

Construção de Núcleos de Educação Integral gera mais de 700 empregos

Núcleos-de-Educação-Integral2-1024x768

Construção de sete Núcleos de Educação Integral nas cidades de Santa Inês, Santa Luzia do Tide, Codó, Viana e Vargem Grande estão gerando emprego e renda por meio da contração de 716 funcionários. (Foto: Divulgação)

A construção de sete Núcleos de Educação Integral nas cidades de Santa Inês, Santa Luzia do Tide, Codó, Viana e Vargem Grande estão gerando emprego e renda por meio da contração de 716 funcionários. Em média, o Governo do Maranhão está beneficiando 2.146 pessoas indiretamente, levando em conta que cada funcionário representa uma família de três pessoas.

Para o secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, este investimento demonstra o compromisso da gestão estadual com o desenvolvimento do estado. “O nosso país passa por uma crise que assola a maioria dos Estados, mas com a responsabilidade e a sensibilidade do governador Flávio Dino, o Maranhão está num patamar bem melhor. Cada construção de escola em Tempo Integral, por exemplo, é uma oportunidade de emprego que surge para o pedreiro, pintor, carpinteiro”, destacou Clayton Noleto.

Em Vargem Grande, são 91 funcionários trabalhando na construção de 8 blocos do Núcleo de Educação Integral. Entre mão de obra local, foram contratados pedreiros, serventes e carpinteiros. Nos próximos meses os serviços ficarão concentrados na fase de acabamentos. “Como a maioria dos pedreiros que nós contratamos no início também são pedreiros de acabamentos finos, nós vamos permanecer com eles na próxima fase. Vamos precisar nessa etapa de pelos menos 71 pessoas”, explicou a engenheira Tarsila Teixeira, da empresa Lucena Infraestrutura.

No município de Codó, a obra está na fase de cobertura dos blocos, gerando 68 empregos diretos.  A vaga de pedreiro ajudou Domingos Roberto a manter o sustento da família. “Eu estava desempregado. Geralmente eu trabalho em obra para fora, em São Paulo, Mato Grosso, mas atualmente as oportunidades estavam fechadas e aí abriu essa porta aqui em Codó. Eu moro aqui mesmo em Codó, no bairro Santo Antônio, e é uma coisa muito importante trabalhar na cidade da gente, perto de casa, junto da família”, explicou Domingos.

Além da geração de emprego, as construções dessas unidades movimentam a economia local. Os materiais pesados como cimento, areia, seixo, barro, tijolo, telhas e outros são comprados no município ou nas cidades mais próximas, o que injeta mais renda às regiões.

Sobre os Núcleos de Educação Integral

Os Núcleos de Educação Integral fazem parte da estratégia do Governo do Maranhão de cumprir a meta do Plano Nacional de Educação (PNE) para incluir 30% dos alunos em escolas de tempo integral. Os núcleos vão atender estudantes das escolas das regiões beneficiadas que poderão exercer estudos complementares como atividades artísticas, esportivas, de laboratórios e reforço escolar. “Os núcleos fazem parte da política de educação integral implantada pelo governador Flávio Dino, que recebeu o estado sem nenhuma escola de tempo integral na rede estadual. Esses espaços vão integrar o currículo dos alunos das escolas do entorno, com foco em atividades de aprofundamento dos conteúdos trabalhados na base nacional comum, em atividades de experimentação científica, de arte e cultura e esportivas”, enfatizou o secretário de Estado da Educação (Seduc), Felipe Camarão. Cada um dos núcleos terá quadra, auditório, biblioteca e laboratórios de química, biologia e física. Os alunos terão acesso a salas de robótica, informática e matemática, artes e idiomas. Há salas de descanso para os professores, para os alunos, ambulatório, banheiros, sala de professores, almoxarifado e sala de direção.

Em média o Governo do Maranhão está beneficiando 2.146 pessoas indiretamente, levando em conta que cada funcionário representa uma família de três pessoas. (Foto: Divulgação)

Os Núcleos de Educação Integral fazem parte da estratégia do Governo do Maranhão de cumprir a meta do Plano Nacional de Educação (PNE) para incluir 30% dos alunos em escolas de tempo integral. Os núcleos vão atender estudantes das escolas das regiões beneficiadas que poderão exercer estudos complementares como atividades artísticas, esportivas, de laboratórios e reforço escolar.

“Os núcleos fazem parte da política de educação integral implantada pelo governador Flávio Dino, que recebeu o estado sem nenhuma escola de tempo integral na rede estadual. Esses espaços vão integrar o currículo dos alunos das escolas do entorno, com foco em atividades de aprofundamento dos conteúdos trabalhados na base nacional comum, em atividades de experimentação científica, de arte e cultura e esportivas”, enfatizou o secretário de Estado da Educação (Seduc), Felipe Camarão.

Cada um dos núcleos terá quadra, auditório, biblioteca e laboratórios de química, biologia e física. Os alunos terão acesso a salas de robótica, informática e matemática, artes e idiomas. Há salas de descanso para os professores, para os alunos, ambulatório, banheiros, sala de professores, almoxarifado e sala de direção.

 

 

 

Contatos

contatos

Fones: (98) 3221-8537 | (98) 3221-8536
Email: gabinete@educacao.ma.gov.br
ascom@educacao.ma.gov.br

Ouvidoria
Fone: 0800 280 43 43

Localização

localização

Click to open larger map

Rua Conde D'Eu, n° 140, Monte Castelo, São Luis/MA - CEP 65030-330 São Luís/MA