18/04/2016 1:10 pm

40 mil alunos serão beneficiados com reformas de escolas realizadas pelo Governo do Maranhão em 2016

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Cerca de 40 mil alunos serão diretamente beneficiados pela reestruturação da rede física escolar em 2016. Ainda neste semestre, o Governo do Maranhão entrega à comunidade escolar reformas em 65 centros de ensino da rede estadual, em 40 municípios maranhenses, beneficiando cerca de 40 mil alunos. As obras são executadas pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e seguem a determinação do governador Flávio Dino de dotar as escolas públicas de condições necessárias para a oferta do ensino e da aprendizagem com qualidade.

As escolas estão recebendo nova pintura, telhados recuperados, pisos e instalações elétricas renovadas. Melhorias esperadas há muito tempo por estudantes, professores e demais profissionais da escola. “Nós mantínhamos a escola em ordem, mas há muitos anos não passava por reforma. Agora houve uma grande reforma, desde os telhados, pintura de parede e limpeza de piso, passando pela parte hidráulica e elétrica, até a instalação de ar condicionados nas salas de aula. É muito mais conforto para a escola, que agora terá uma outra realidade”, comemorou a gestora Cleude Carvalho, da CE Sagarana II, em São Luís, que atende a cerca de 500 alunos.

Já o CE Paulo VI, no bairro Cidade Operária, uma das escolas estaduais deixadas em condições precárias pela gestão passada, na qual o houve desabamento do forro e da cobertura da quadra poliesportiva, o governo realizou intervenções significativas conforme relatou a gestora Conceição de Maria Carneiro Reis.

“A obra que a escola vem recebendo é de grande importância para a continuidade dos nossos trabalhos. Parabenizo o governador Flávio Dino por dar prioridade às escolas do nosso estado, que estão precisando de melhorias. Graças a Deus tudo está em perfeito andamento e os serviços na estrutura interna estão em fase final. O próximo passo é a quadra. Essa reforma geral que o prédio recebe vai melhorar ainda mais para nós e nossos alunos”, enfatizou.

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Com todas as 10 salas de aula reformadas e climatizadas, quadros trocados e paredes rebocadas e pintadas, a Unidade Integrada Santa Teresa, localizada na Cidade Operária, em São Luís, foi entregue no último mês de março. Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, que é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemorou a entrega. “Está muito melhor. Às vezes a gente não tinha aula porque faltava energia, faltava água, o forro tinha caído. Agora está bonita”, disse o estudante.

A escola Mário Meireles (Mangue Seco-Pedrinhas) há anos esperava por uma reforma, teve o telhado trocado, e está em fase de conclusão da obra de ampliação do muro, reforma dos banheiros, pintura, troca de portas, manutenção elétrica, troca de luminárias, instalação de subestação e climatização de 10 salas de aula e laboratórios. A escola também terá manutenção do sistema hidráulico e construção de rampas.

A escola Mário Meireles teve o telhado recuperado e salas de aulas climatizadas. Foto: Divulgação

A escola Mário Meireles teve o telhado recuperado e salas de aulas climatizadas. Foto: Divulgação

Para o professor José Luis Souza da Silva, gestor da escola, esta era uma obra muito esperada pela comunidade, pois apesar de ser um prédio muito bom, em doze anos de existência nunca havia passado por uma reforma. “Havíamos feito essa solicitação de reforma há mais de três anos, e, agora, finalmente acontece. A climatização era muito esperada porque essa é uma área muito quente. E com isso, temos certeza que vai contribuir muito para a melhoria do rendimento dos nossos alunos”, destacou o gestor do CE Mário Meireles.

Na região de Imperatriz, os centros de ensino Newton Barjonas Lobão e Vespasiano Ramos (ambos na sede da regional); Henrique de La Rocque e Rio Amazonas (município de João Lisboa); Vicente Yanez Pinzon (Gov.Edson Lobão) e Fortunato Moreira Neto (Porto Franco), também foram atendidos com reformas e adaptações.

“A recuperação do Vicente Yanez Pinzon, em fase de conclusão, é um sonho que se tornou realidade e a comunidade escolar está muito feliz com isso”, relatou o gestor da escola, Geraldo Evandro Braga.

“O governo Flávio Dino compreende que o futuro do Maranhão está na escola, por isso, está realizando o maior investimento em educação da história deste estado, com a recuperação e manutenção da rede escolar para que os maranhenses tenham as condições adequadas para uma formação digna e com qualidade”, destaca o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

Manutenção

As ações para melhoria da infraestrutura das escolas também contemplam a manutenção preventiva e corretiva nas escolas estaduais. Até o momento 179 escolas em todo o Maranhão já receberam reparos na cobertura, serviços nas instalações hidráulicas e elétricas, pintura de muros e fachadas.

CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, recebe melhorias. Foto: Divulgação

CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, recebe melhorias. Foto: Divulgação

É o caso do CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, a 875 km da capital maranhense, que recebeu pintura, retelhamento, troca de portas, entre outros serviços. “A escola não estava pintada e quando chovia, o chão parceria uma piscina, agora a coisa melhorou. É fácil para a gente aprender assim”, opinou Ana Vitória, 14 anos, aluna do 1º ano.

“É bastante louvável essa iniciativa do governo porque reflete diretamente no desempenho dos alunos. No caso da nossa escola, as salas estavam sem ventiladores, com uma iluminação muita fraca e nós recebemos três ventiladores em cada sala e elas estão mais iluminadas, além disso, a escola recebeu pintura, retelhamento, serviços hidráulicos para que se tenha as condições ideais de trabalho. Acredito que a manutenção tornará as escolas espaços aprazíveis, de vivência para os alunos e de construção coletiva do conhecimento. Vale ressaltar também que o secretário de educação, Felipe Camarão e equipe esteve na nossa escola, dividiu conosco nossos anseios e encaminhou as demandas da comunidade”, ressaltou o gestor da UI Maria José Aragão (Cidade Operária), em São Luís, ao avaliar os serviços realizados na unidade nas últimas semanas.

Também estão sendo reformadas duas escolas que serão transformadas em Centros de Ensino Médio Integral, em Timon e Santa Inês, respectivamente, e serão inauguradas em breve.

 

18/04/2016 1:10 pm

40 mil alunos serão beneficiados com reformas de escolas realizadas pelo Governo do Maranhão em 2016

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Cerca de 40 mil alunos serão diretamente beneficiados pela reestruturação da rede física escolar em 2016. Ainda neste semestre, o Governo do Maranhão entrega à comunidade escolar reformas em 65 centros de ensino da rede estadual, em 40 municípios maranhenses, beneficiando cerca de 40 mil alunos. As obras são executadas pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), e seguem a determinação do governador Flávio Dino de dotar as escolas públicas de condições necessárias para a oferta do ensino e da aprendizagem com qualidade.

As escolas estão recebendo nova pintura, telhados recuperados, pisos e instalações elétricas renovadas. Melhorias esperadas há muito tempo por estudantes, professores e demais profissionais da escola. “Nós mantínhamos a escola em ordem, mas há muitos anos não passava por reforma. Agora houve uma grande reforma, desde os telhados, pintura de parede e limpeza de piso, passando pela parte hidráulica e elétrica, até a instalação de ar condicionados nas salas de aula. É muito mais conforto para a escola, que agora terá uma outra realidade”, comemorou a gestora Cleude Carvalho, da CE Sagarana II, em São Luís, que atende a cerca de 500 alunos.

Já o CE Paulo VI, no bairro Cidade Operária, uma das escolas estaduais deixadas em condições precárias pela gestão passada, na qual o houve desabamento do forro e da cobertura da quadra poliesportiva, o governo realizou intervenções significativas conforme relatou a gestora Conceição de Maria Carneiro Reis.

“A obra que a escola vem recebendo é de grande importância para a continuidade dos nossos trabalhos. Parabenizo o governador Flávio Dino por dar prioridade às escolas do nosso estado, que estão precisando de melhorias. Graças a Deus tudo está em perfeito andamento e os serviços na estrutura interna estão em fase final. O próximo passo é a quadra. Essa reforma geral que o prédio recebe vai melhorar ainda mais para nós e nossos alunos”, enfatizou.

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemora a nova estrutura da escola. Foto: Karlos Geromy/Secap

Com todas as 10 salas de aula reformadas e climatizadas, quadros trocados e paredes rebocadas e pintadas, a Unidade Integrada Santa Teresa, localizada na Cidade Operária, em São Luís, foi entregue no último mês de março. Rodrigo Luiz Silva da Fonseca,16 anos, que é aluno do 1º ano do Ensino Médio e está na U.I Santa Tereza desde os oito anos comemorou a entrega. “Está muito melhor. Às vezes a gente não tinha aula porque faltava energia, faltava água, o forro tinha caído. Agora está bonita”, disse o estudante.

A escola Mário Meireles (Mangue Seco-Pedrinhas) há anos esperava por uma reforma, teve o telhado trocado, e está em fase de conclusão da obra de ampliação do muro, reforma dos banheiros, pintura, troca de portas, manutenção elétrica, troca de luminárias, instalação de subestação e climatização de 10 salas de aula e laboratórios. A escola também terá manutenção do sistema hidráulico e construção de rampas.

A escola Mário Meireles teve o telhado recuperado e salas de aulas climatizadas. Foto: Divulgação

A escola Mário Meireles teve o telhado recuperado e salas de aulas climatizadas. Foto: Divulgação

Para o professor José Luis Souza da Silva, gestor da escola, esta era uma obra muito esperada pela comunidade, pois apesar de ser um prédio muito bom, em doze anos de existência nunca havia passado por uma reforma. “Havíamos feito essa solicitação de reforma há mais de três anos, e, agora, finalmente acontece. A climatização era muito esperada porque essa é uma área muito quente. E com isso, temos certeza que vai contribuir muito para a melhoria do rendimento dos nossos alunos”, destacou o gestor do CE Mário Meireles.

Na região de Imperatriz, os centros de ensino Newton Barjonas Lobão e Vespasiano Ramos (ambos na sede da regional); Henrique de La Rocque e Rio Amazonas (município de João Lisboa); Vicente Yanez Pinzon (Gov.Edson Lobão) e Fortunato Moreira Neto (Porto Franco), também foram atendidos com reformas e adaptações.

“A recuperação do Vicente Yanez Pinzon, em fase de conclusão, é um sonho que se tornou realidade e a comunidade escolar está muito feliz com isso”, relatou o gestor da escola, Geraldo Evandro Braga.

“O governo Flávio Dino compreende que o futuro do Maranhão está na escola, por isso, está realizando o maior investimento em educação da história deste estado, com a recuperação e manutenção da rede escolar para que os maranhenses tenham as condições adequadas para uma formação digna e com qualidade”, destaca o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

Manutenção

As ações para melhoria da infraestrutura das escolas também contemplam a manutenção preventiva e corretiva nas escolas estaduais. Até o momento 179 escolas em todo o Maranhão já receberam reparos na cobertura, serviços nas instalações hidráulicas e elétricas, pintura de muros e fachadas.

CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, recebe melhorias. Foto: Divulgação

CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, recebe melhorias. Foto: Divulgação

É o caso do CE Vitorino Freire, no município de Alto Parnaíba, a 875 km da capital maranhense, que recebeu pintura, retelhamento, troca de portas, entre outros serviços. “A escola não estava pintada e quando chovia, o chão parceria uma piscina, agora a coisa melhorou. É fácil para a gente aprender assim”, opinou Ana Vitória, 14 anos, aluna do 1º ano.

“É bastante louvável essa iniciativa do governo porque reflete diretamente no desempenho dos alunos. No caso da nossa escola, as salas estavam sem ventiladores, com uma iluminação muita fraca e nós recebemos três ventiladores em cada sala e elas estão mais iluminadas, além disso, a escola recebeu pintura, retelhamento, serviços hidráulicos para que se tenha as condições ideais de trabalho. Acredito que a manutenção tornará as escolas espaços aprazíveis, de vivência para os alunos e de construção coletiva do conhecimento. Vale ressaltar também que o secretário de educação, Felipe Camarão e equipe esteve na nossa escola, dividiu conosco nossos anseios e encaminhou as demandas da comunidade”, ressaltou o gestor da UI Maria José Aragão (Cidade Operária), em São Luís, ao avaliar os serviços realizados na unidade nas últimas semanas.

Também estão sendo reformadas duas escolas que serão transformadas em Centros de Ensino Médio Integral, em Timon e Santa Inês, respectivamente, e serão inauguradas em breve.

 

Contato

Fones:
(98) 3194-7791

E-mail:

gabinete@edu.ma.gov.br
ascom@edu.ma.gov.br

Ouvidoria
0800 280 0166
(98) 3194-7721
(98) 3194-7722

www.ouvidorias.ma.gov.br

Endereço

Rua dos Pinheiros, n.º 15, Qd. 16

Jardim São Francisco

São Luís – Maranhão

CEP: 65076-250

Horário de funcionamento:

Seg a Sex
08:00 às 17:00

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO - Portal desenvolvido e hospedado pela SEATI