25/11/2016 9:22 pm

Estudantes da Escola Barbosa de Godóis realizam mostra Científico-cultural sobre Economia e Empreendedorismo’

barbosagois1

Estudantes apresentam seus trabalhos para os visitantes nos estandes

Despertar nos alunos o conhecimento sobre economia, negócio, gestão, marketing e propaganda, bem como o espirito de empreendedor, como alternativa e habilidade a ser explorada no seu futuro profissional. Com este objetivo, a Unidade Integrada Barbosa de Godóis realizou, na quinta (24) e nesta sexta-feira (25), a XIX Mostra Científico-Cultural, com o tema “Economia e empreendedorismo”.

De acordo com a direção da escola, a ideia do tema surgiu a partir de uma necessidade latente da sociedade brasileira, que é a crise econômica mundial que também chegou ao Brasil, levando ao fechamento de empresas, redução de postos de trabalho entre outras consequências. “A ideia é levar os nossos alunos a entender melhor a conjuntura econômica do nosso país e seus reflexos dentro da casa de cada um. E procuramos despertar neles esse entendimento de que diante desta situação, o orçamento de todo mundo vai apertar, por isso, fazer mudanças lógicas dentro de casa para que possamos continuar vivendo socialmente de uma forma equilibrada, é necessário. Além de economizar, empreender pode ser uma saída principalmente para as pessoas que estão perdendo emprego, e vão precisar de nova fonte renda”, explicou o professor Márvio Henrique Pinheiro Martins, diretor Adjunto da escola.

barbosagois

Estudantes falam do comércio informal, criatividade e inovação (a foto food bike)

“Nós queremos que os nossos alunos levem este entendimento para a vida deles e multipliquem junto aos pais. De repente, deste conhecimento adquirido aqui, durante as pesquisas, podem surgir ideias para montar um negócio em família”, enfatizou a professora Venina Irineu Frazão, gestora geral da escola.

A partir das pesquisas realizadas durante o ano inteiro para o desenvolvimento do projeto pedagógico, alunos e professores produziram trabalhos com subtemas como: mercado informal, agronegócio, indústria, e-commerce (comércio eletrônico), o mercado delivery (entrega à domicílio), artesanato e reciclagem, pequenas e microempresas entre outros temas voltadas para a economia e empreendedorismo. “A gente pôde perceber quantas ideias bacanas existem por aí, e quanta gente tá virando empreendedor, montando seu próprio negócio. E pra gente que está saindo do Ensino Fundamental, isso amplia a percepção de que a gente pode ser um empreendedor, ter um negócio”, destacou Jhane Frazão, aluna do 9º ano, cheia de entusiasmo com o conhecimento adquirido durante a pesquisa sobre a produção de artesanato como forma de geração de emprego e renda.

A turma do 9º ‘B’ desenvolveu o projeto ‘Delivery Sucess’, uma empresa de entrega de comida a domicilio para empresas e repartições públicas. Eles elaboraram desde o cardápio e as receitas, ao plano de ação. “É uma empresa fictícia, para mostrar para as pessoas como elas podem criar, montar uma empresa. Durante a elaboração do projeto nós entramos em contato com várias empresas não só nacionais, como internacionais, para entender a necessidade do mercado e ver como funciona esse ramo”, destacou Larissa Rayane, aluna do 9º ‘B’.

Outro aspecto interessante do trabalhado com os alunos foi a questão da necessidade de o empreendedor, seja ele pequeno ou grande, ter as chamadas ideias criativas e inovadoras, como forma de entrar ou se manter num determinado mercado. E na prática os alunos mostram velhos negócios que foram repaginados e estão conquistando mercado como novidade, que é o caso das food bikes. Ou ainda, a velha e boa mercearia de bairro, que atravessaram os tempos e hoje, em tempos de crise, se mostram como alternativa tanto para quem empreende como para o consumidor que pode comprar produtos mais baratos.

A mostra foi aberta para os pais dos alunos que visitaram os estandes e puderam ver, ainda, trabalhos sobre como montar uma padaria, uma farmácia, ou uma lanchonete; o papel das pequenas e microempresas, o sucesso dos deliverys e a força do agronegócio.

Fonte: Seduc
Fotos/Lauro Vasconcelos

Contato

Fones:
(98) 3194-7791

E-mail:

gabinete@edu.ma.gov.br
ascom@edu.ma.gov.br

Ouvidoria
0800 280 0166
(98) 3194-7721
(98) 3194-7722

www.ouvidorias.ma.gov.br

Endereço

Rua dos Pinheiros, n.º 15, Qd. 16

Jardim São Francisco

São Luís – Maranhão

CEP: 65076-250

Horário de funcionamento:

Seg a Sex
08:00 às 17:00

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO - Portal desenvolvido e hospedado pela SEATI