14/10/2015 9:10 pm

Governo investe na política educacional para valorizar os professores do Sistema Estadual de Ensino

“Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”. É com o foco nesse pensamento de um dos maiores ícones da educação Brasileira, o mestre Paulo Freire, que o Governo do Maranhão, desde os primeiros dias da atual gestão, tem trabalhado para garantir a valorização e o reconhecimento profissional e assegurar melhores condições de trabalho a todos os professores do Sistema Estadual de Ensino.

Nos primeiros 20 dias de gestão, o governador Flávio Dino melhorou várias ações práticas e efetivas em prol dos profissionais da educação do Maranhão. Ele garantiu aplicação do percentual de 13,01% de reajuste salarial do piso nacional a todas as referências funcionais do magistério, beneficiando quase 30 mil professores; efetivou a
progressão funcional de 11.144 professores; concedeu reajuste de 15% no salário dos professores contratados; prorrogou os contratos de 4.990 professores temporários, além de realizar mais 1.000 novos contratos.

Além disso, regulamentou a eleição direta para gestores de escolas, com a aplicação de um processo seletivo democrático, com etapa final prevista para dezembro. Também regulamentou a ampliação da jornada de
trabalho dos professores, de 20 para 40 horas semanais, o que é outro passo importante na valorização do magistério. E mais, concurso público para profissionais do magistério ainda em 2015.

“Nosso governo sabe bem da importância da valorização dos profissionais da educação, com políticas de formação
continuada, de melhoria salarial, promoção e progressão na carreira, além de melhores condições de trabalho. E é isso que temos trabalhado para assegurar aos professores do Sistema Estadual de Ensino”, destacou a secretária de Estado de Educação, Áurea Prazeres.

Rede de Formadores

O governo criou o maior programa educacional da história do Maranhão: o “Escola Digna”, iniciado com a substituição das escolas de taipa, por prédios escolares de alvenaria, e sua abrangência contempla ainda a qualificação permanente dos professores, por meio do Eixo Formação Continuada dos Profissionais da Educação, além das Assessorias técnico pedagógicas. Dentro dessa proposta, foi instituída a Rede Estadual de Formadores, que visa garantir que em cada uma das escolas da rede possa acontecer cotidianamente o trabalho coletivo de estudo,
compartilhamento de experiências e reflexão conjunta sobre a própria prática docente.

A Rede de Formadores foi iniciada com a capacitação de 150 formadores das 19 Unidades Regionais de Educação, com foco no apoio pedagógico aos estudantes dos ensinos fundamental e médio, com viés na potencialização das competências leitora e escritora dos estudantes. Até agora já foram realizadas mais 400 horas de formação,
atendendo a 1.500 professores das redes estadual e municipal. A rede vai beneficiar diretamente a 106 mil estudantes, nas disciplinas de matemática e língua portuguesa.

Ainda âmbito da política de valorização dos professores, dos estudantes e da educação, foram produzidos e distribuídos 212.852 cadernos de apoio pedagógico de matemática e língua portuguesa, beneficiado mais de 106 mil estudantes. Além de 90 mil Cadernos Seduc/Enem, para os estudantes e mais 2.700 caderno de orientação didática aos professores.

Com o Programa de Correção de Fluxo Escolar, que tem como objetivo alfabetizar alunos que ainda não estão inseridos no mundo das letras e número e assim, corrigir o fluxo de estudantes com distorções idade\série não alfabetizado, já garantiu a formação de 232 professores e 68 coordenadores, de 57 municípios. Além da formação e
distribuição de material didático para 128 professores por meio do Programa Nacional de Alfabetização na Idade Certa (Pnaic).

“Sem uma política de formação continuada, que permita a todos os educadores acesso ao que de mais recente e importante tem sido produzido na educação do Maranhão, do Brasil e em todo o mundo, não será possível transformar a realidade das nossas escolas, dar aos docentes o devido valor profissional e a cada um dos nossos estudantes a garantia do sucesso escolar”, enfatizou a secretária Áurea Prazeres.

 

Serviços

Contato

Fones:
(98) 3194-7791

E-mail:

gabinete@edu.ma.gov.br
ascom@edu.ma.gov.br

Ouvidoria
0800 280 0166
(98) 3194-7721
(98) 3194-7722

www.ouvidorias.ma.gov.br

Horário de funcionamento:

Seg a Sex
08:00 às 17:00

Endereço

Rua dos Pinheiros, n.º 15, Qd. 16

Jardim São Francisco

São Luís – Maranhão

CEP: 65076-250

Links Úteis

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO - Portal desenvolvido e hospedado pela SEATI